domingo, 30 de novembro de 2008

Será...?

Será que o nosso destino está mesmo traçado? Será que a nossa vida está já decidida?

Ouço muitas vezes "o que tiver de ser teu, às tuas mãos há-de chegar" ou "se tiver de acontecer, acontece", mas será mesmo assim? Se fosse, não valia a pena lutarmos por nada, bastava acreditar no que queríamos e esperar que se realizasse. Mas não é assim que funciona, embora acredite que alguma coisa já há-de estar traçada, mas acredito também que somos nós que tomamos as opções na nossa vida.

E como saber distinguir os sinais que a vida nos dá? Olhar para uma coisa, ou senti-la e saber "é por aqui que eu tenho de ir", "é esta a escolha que eu tenho de fazer". E como saber que é a escolha certa? Como saber que não nos vamos arrepender dela? E devemos arriscar?

Música que vai na minha cabeça: "Balancê" - Sara Tavares

3 comentários:

Anónimo disse...

SERÁ??????
Boa pergunta... mas acho q mt pouca gente sabe a resposta... o destino ate pode estar marcado... mas nos tambem influenciamos o destino pelas nossas acçoes.... ate podias ganhar o euromilhoes... agr se n jogares esquece... quer dizer spr a chave premiada te pode vir parar a cara... nc se sabe ;)

Sissi disse...

Concordo contigo. Acho que há uma parte que já está traçada: temos que passar por determinada situação, temos que conhecer determinada pessoa,.......... Mas no final a decisão será sempre nossa, é para isso que serve o livre arbítrio. Temos que ser sempre nós a lutar para sermos felizes, porque mais ninguém o fará por nós!!!!! ;)

Sissi disse...

Ah, esqueci-me de dizer que gostei da ideia da ´"música que te vai na cabeça". :) Muito original, gostei. ;)